This Page in English  

Saltar para: Menu Principal, Conteúdo, Opções, Login.

Ajuda Contextual  
home
Início > Cursos > Disciplinas > LGP30015
Menu Principal
Autenticação





Esqueceu a sua senha de acesso?
Mapa da ESE Setúbal
Mapa interactivo do campus. Clique num determinado edifício.

Língua Estrangeira - Inglês B2

Informações

    As horas de Tutoria ocorrem em horário a estabelecer com o(s) docente(s) da UC.


Ano letivo: 2016/2017 - 2S

Código: LGP30015    Sigla: LEIB2
Áreas Científicas: Línguas e Literatura
Secção/Departamento: Ciências da Comunicação e da Linguagem

Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Ano Curricular ECTS Horas Contacto Horas Totais
LGP Plano de Estudos 5,0 60 135,0

Nº de semanas letivas: 15

Carga horária

Horas/semana T TP P PL L TC E OT OT/PL TPL O S
Tipologia de aulas

Corpo docente

Tipo Docente Turmas Horas
Horas de Contacto Totais 1 4,00

Língua de Ensino

Inglês

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

Este programa tem como base as indicações relativas ao nível B2, de utilizador independente, do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas (QECR). São tidos em conta os itens de compreensão oral, leitura, interação oral, produção oral e escrita.

Os objetivos de aprendizagem são os seguintes:
- Compreender as ideias principais de textos complexos que tratem de temas quer concretos quer abstratos, incluindo textos de caráter técnico relativos à sua área de especialidade;
- Interagir com falantes nativos de língua inglesa com um grau suficiente de fluência e espontaneidade de forma a que a comunicação ocorra sem dificuldades por parte de nenhum dos interlocutores;
- Produzir textos claros e detalhados sobre vários temas, incluindo a redação de cartas;
- Defender um ponto de vista sobre um determinado assunto, indicando vantagens e desvantagens ligadas às várias opções.

Conteúdos programáticos

Os temas e as tarefas comunicativas são selecionados em função dos interesses e necessidades dos estudantes e determinam o tipo de vocabulário e de gramática a praticar. De seguida, apresenta-se uma lista contendo exemplos de temas e outra lista contendo exemplos de tarefas para serem trabalhados a nível B2, de utilizador independente, do QECR.
Temas: comunicação social; férias e viagens; lazer; ambiente; educação; desporto; arte; cultura; atividades quotidianas; assuntos sociais; ciência; etc.
Tarefas: relatórios; resumos; cartas e emails; candidaturas a emprego; fichas de leitura; planos de trabalho; projetos; etc.


Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objetivos de aprendizagem da UC

Os conteúdos programáticos articulam-se com os objetivos da unidade curricular uma vez que estão definidos em função de um conjunto de tarefas comunicativas em torno de um tema, e não com listas de estruturas gramaticais ou de vocabulário. Deste modo, a língua é praticada em contextos significativos, desenvolvendo os objetivos da unidade, que são definidos em termos do uso da língua, ou seja, de acordo com as competências a que o estudante deve alcançar na língua.

Metodologias de ensino

A metodologia de ensino adotada, de caráter teórico-prático, tem em conta que a aprendizagem de uma língua é global, centrada no estudante e apoiada em temas e tarefas.
O ponto de partida da aprendizagem é o tema ou a tarefa de comunicação, que pode ser mais ou menos complexo em função do conjunto de atividades sequenciais em que se integra. Prevê-se assim o uso de atividades de grau de dificuldade variável, tanto do ponto de vista linguístico como cognitivo, para poder corresponder adequadamente às necessidades e interesses dos estudantes.
A orientação tutória destina-se a auxiliar os estudantes a ultrapassar as suas dificuldades nos trabalhos e no progresso linguístico.

Demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objetivos de aprendizagem da UC

As metodologias de ensino estão delineadas de uma forma articulada com os objetivos de aprendizagem, a fim de que estes sejam concretizados. O processo de ensino-aprendizagem é baseado na realização de tarefas comunicativas associadas a um tema. Os estudantes aprendem a usar a língua inglesa praticando-a efetivamente na aula e realizando atividades.
Para a concretização dos quatro objetivos de aprendizagem que foram estabelecidos, contribuem o ensino teórico prático, a orientação tutória, o estudo e a avaliação.

Metodologia e provas de avaliação

A avaliação da UC será efetuada em conformidade com os elementos que a seguir se indicam.
A. Avaliação contínua (10%):
- Relativa à assiduidade;
- Relativa à oralidade (participação nas atividades da aula, em debates, discussões, etc.);
- Relativa à escrita (realização de trabalhos de compreensão e expressão escrita, de enriquecimento vocabular e/ou gramatical, individuais ou em grupo).
B. Avaliação sumativa:
- Trabalho de pesquisa em grupo e sua apresentação oral (30%);
- Testes (60%).
Em alternativa à avaliação contínua e sumativa, os estudantes podem fazer um exame final (100%). Durante a primeira semana de aulas, deverão contactar a docente da UC, a fim de indicarem por qual das modalidades optam.
Os trabalhadores estudantes deverão negociar com a docente formas individuais de participação e avaliação até ao final da primeira quinzena do semestre.

Regime de assiduidade

É obrigatória a presença em 75% das aulas.

Bibliografia

Cambridge Learner's Dictionary. Cambridge: Cambridge University Press.
Cambridge Advanced Learner's Dictionary. Cambridge: Cambridge University Press.
Collins COBUILD Advanced Learner’s Dictionary. London: HarperCollins.
Cunningham, S., Moor, P. & Bygrave, J. (2013), Cutting Edge: Upper Intermediate Student's Book (Third Edition). Harlow, England: Pearson Education Limited.
Longman Active Study Dictionary. For Intermediate – Upper-Intermediate Learners. London: Pearson Longman.
Longman Dictionary of Contemporary English. For Advanced Learners. London: Pearson Longman.
Murphy, R. (2012). English Grammar in Use (Fourth Edition). Cambridge: Cambridge University Press.
Murphy, R. (2015). Essential Grammar in Use (Fourth Edition). Cambridge: Cambridge University Press.
Oxford Advanced Learner's Dictionary. Oxford: Oxford University Press.

Webgrafia – Dicionários de língua inglesa online
http://dictionary.cambridge.org/
https://www.collinsdictionary.com/
http://www.ldoceonline.com//
https://www.merriam-webster.com/
http://www.oxfordlearnersdictionaries.com/
http://www.thefreedictionary.com/

Observações

Espera-se que os estudantes sejam capazes de usar a língua para fins pessoais, sociais e académicos, de maneira independente, a um nível que corresponde a B2 do QECR.

Opções
Últimas Notícias
Candidaturas a Mestrados e Pós-Graduação ESE/IPS
Pré-Requisitos 2022/2023 - provas alteradas para dia 26/05/2022
Página gerada em: 2022-05-24 às 17:50:07 Última actualização: 2010-07-19