This Page in English  

Saltar para: Menu Principal, Conteúdo, Opções, Login.

Ajuda Contextual  
home
Início > Cursos > Disciplinas > MEPAI07
Menu Principal
Autenticação





Esqueceu a sua senha de acesso?

Educação e Mediação em Equipamentos Artísticos e Culturais

Informações

    As horas de Tutoria ocorrem em horário a estabelecer com o(s) docente(s) da UC.


Ano letivo: 2023/2024 - 2S

Código: MEPAI07    Sigla: EMEAC
Áreas Científicas: Ciências da Educação(integra Educação e Pedagogia)
Secção/Departamento: Ciências Sociais e Pedagogia

Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Ano Curricular ECTS Horas Contacto Horas Totais
MEPAI 12 Plano de Estudos 6,0 45 162,0

Nº de semanas letivas: 15

Responsável

DocenteResponsabilidade
Carla Cibele Fiel Vasconcelos FigueiredoResponsável

Carga horária

Horas/semana T TP P PL L TC E OT OT/PL TPL O S
Tipologia de aulas

Corpo docente

Tipo Docente Turmas Horas
Horas de Contacto Totais 1 3,00
Hugo Barata   3,00

Língua de Ensino

Português

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

Pretende-se promover a compreensão da teoria e da prática da Mediação e da aprendizagem em equipamentos culturais e outros contextos de educação informal e não-formal (galerias de arte, centros de ciência, bibliotecas, locais históricos, etc.), fomentando o sentido crítico e a criatividade.



1 - Compreender os conceitos fundamentais subjacentes à realização de atividades educativas em contexto de equipamento cultural, e o seu cruzamento com o ensino-aprendizagem;
2 - Conceber, desenvolver e implementar atividades educativas a partir de coleções/espólios e temas centrais, em função de determinados interesses e expectativas de distintos públicos-alvo – conceção e implementação de projeto de mediação;
3 – Entender os diversos públicos e contextos, assim como as políticas curatoriais e organizativas das diferentes instituições;
4 – Entender as diferentes linguagens artísticas e sua transdisciplinaridade no espaço contemporâneo.

Conteúdos programáticos

1 - Reflexão (e autorreflexão) e investigação: processos de mediação cultural e territórios de aprendizagens não-formais;
2 - Contextos, conceitos e práticas: estratégias artísticas enquanto espaço laboratorial na manobra da pesquisa para a Mediação Cultural; a investigação em arte a partir do cruzamento de diferentes linguagens artísticas e o seu impacto no desenvolvimento de ferramentas pedagógicas.
3 - O conceito de experiência museal (e outros equipamentos culturais): os equipamentos culturais como espaços de criação, investigação e produção de conhecimento; diferentes públicos, diferentes necessidades educativas; o cruzamento da curadoria com a prática educativa.
4 - Práticas artísticas e investigação em arte: cruzamentos e práticas criativas a partir de diferentes linguagens criativas.


Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objetivos de aprendizagem da UC

Pretende-se dotar os estudantes de competências que possibilitem uma prática da Mediação Artística e Cultural que promova a reflexão e a investigação, de forma a construir espaços de experimentação de processos pedagógicos criativos, ligando a teoria com a prática da educação não-formal. Os conteúdos programáticos seleccionados recaem nas áreas específicas da criação artística e da educação (não-formal e informal), assim como nas práticas laboratoriais de criação de estratégias e ferramentas, alicerçando competências de conceção, planificação, implementação e avaliação de diferentes actividades educativas. A estruturação de conhecimentos, competências e posturas, no terreno da criação artística e da educação, converge para o desenvolvimento de objetivos formativos dos mediadores, enriquecendo uma prática global entre a arte e a educação, entre a criatividade e o equipamento cultural.

Metodologias de ensino

A metodologia é de carácter teórico-prático, com análise de casos de estudo e textos/autores de referência, e laboratorial, na realização de estúdios de práticas criativas, mediação cultural, com discussão e apresentação de pesquisas realizadas pelos estudantes em torno das temáticas programáticas.

Demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objetivos de aprendizagem da UC

O objectivo da UC compreende dotar os futuros profissionais de competências que possibilitem uma prática da Mediação Artística e Cultural que promova a reflexão e a investigação, de forma a construir espaços de experimentação de processos pedagógicos criativos, ligando a teoria com a prática da educação não-formal. Os conteúdos programáticos seleccionados recaem nas áreas específicas da criação artística e da educação (não-formal e informal), assim como nas práticas laboratoriais de criação de estratégias e ferramentas, alicerçando competências de conceção, planificação, implementação e avaliação de diferentes actividades educativas. A estruturação de conhecimentos, competências e posturas, no terreno da criação artística e da educação, converge para o desenvolvimento de objetivos formativos dos mediadores, enriquecendo uma prática global entre a arte e a educação, entre a criatividade e o equipamento cultural. A especificidade da prática da Mediação Artística e Cultural é incontornável numa visão abrangente da educação e do perfil do aluno para o Século XXI, assim como para uma construção de identidade cidadã plena.
As actividades a realizar visam promover um território de experimentação híbrida, cruzando as práticas artísticas e criativas, com a investigação em arte de forma a construir ferramentas pedagógicas para a reflexão e prática da Mediação Artística e Cultural. A aprendizagem e o aprofundar de conhecimentos faz-se de forma teórico-prática, sublinhando a importância da autorreflexão e da investigação a partir de situações de conceção e realização de atividades educativas, seminário de relatório, apresentação oral, plenário, laboratório de processos pedagógicos, workshops criativos transdisciplinares, conversas com artistas, visitas a equipamentos culturais, etc.

Metodologia e provas de avaliação

A avaliação será contínua (com regulação retroactiva) através da participação em actividades, e na realização de trabalhos (individuais e/ou de grupo).

A avaliação contínua inclui as componentes: participação nas aulas (30%) e guião de uma proposta prática em mediação cultural, que implica a realização/orientação e apresentação da atividade educativa a realizar, se possível, em equipamento cultural ou em laboratório (70%)

A avaliação por exame/recurso consistirá na entrega e apresentação oral de um trabalho individual sobre um dos temas do programa; assim sendo, as/os estudantes que venham a optar por esta modalidade de avaliação deverão contactar previamente as docentes, de modo a negociar o trabalho a entregar, bem como as datas de entrega.
As/os estudantes que pretendam fazer melhoria de nota deverão contactar previamente as docentes com vista à negociação relativa aos trabalhos a serem considerados para o efeito.

Bibliografia

Ambrósio, T. (2001) Educação e desenvolvimento. Contributo para uma mudança reflexiva da educação. Caparica: FCT-UNL; UIED
Arendt, H. A (2000) crise na educação. In Quatro textos excêntricos. Lisboa: Relógio D’Água, p. 21-53
Beillerot, J. A sociedade pedagógica (1985). Lisboa:Rés Editora
Biesta, G. J. J. (2005) Against learning. Reclaiming a language for education in a time of learning. Nordisk Pedagogik, Oslo: Universitetsforlaget, p. 54-66
Diamond, C. T. P. & Mullen, C. A. (Eds.), (1999) The postmodern educator: Arts-based inquiries and teacher development. Newyork: Peter Lang
Eisner, E. W. (1997) The promise and perils of alternative forms of data representation. Educational Researcher, 22(7), 5-11
Eisner,E. W. & Barone, T. (1997) Art-based educational research. R. M. Jaeger (Ed.), Complementary methods for research in education (ss. 73-79) AERA. Washington, DC
Eisner, E. W. (2002). The arts and the creation of mind. New Haven, CT: Yale University Press

Opções
Página gerada em: 2024-04-18 às 17:48:36 Última actualização: 2010-07-19