This Page in English  

Saltar para: Menu Principal, Conteúdo, Opções, Login.

Ajuda Contextual  
home
Início > Cursos > Disciplinas > LGP30008
Menu Principal
Autenticação





Esqueceu a sua senha de acesso?
Mapa da ESE Setúbal
Mapa interactivo do campus. Clique num determinado edifício.

Linguística Comparada

Informações

    As horas de Tutoria ocorrem em horário a estabelecer com o(s) docente(s) da UC.


Ano letivo: 2021/2022 - 1S

Código: LGP30008    Sigla: LC
Áreas Científicas: Línguas e Literatura
Secção/Departamento: Ciências da Comunicação e da Linguagem

Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Ano Curricular ECTS Horas Contacto Horas Totais
LGP 20 Plano de Estudos 4,0 48 108,0

Nº de semanas letivas: 15

Responsável

DocenteResponsabilidade
Maria José Duarte FreireResponsável
Ana Luísa da Piedade Melro Blazer Gaspar CostaResponsável

Carga horária

Horas/semana T TP P PL L TC E OT OT/PL TPL O S
Tipologia de aulas

Corpo docente

Tipo Docente Turmas Horas
Horas de Contacto Totais 1 3,00
Maria José Freire   3,20

Língua de Ensino

Português

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

Outra língua: Língua Gestual Portuguesa.

- Sistematizar e relacionar conceitos e métodos fundamentais da análise do léxico e da semântica das
duas línguas de trabalho: português e LGP;
- Sistematizar e relacionar conceitos e métodos fundamentais da análise do texto e da sintaxe das duas línguas de trabalho: português e LGP;
- Analisar comparativamente as duas línguas de trabalho;
- Partilhar publicamente dúvidas, pontos de vista, argumentos e opiniões;
- Desenvolver a capacidade de concretizar atempada e autonomamente tarefas e atividades propostas;
- Utilizar as línguas como agente de intervenção e transformação da sociedade.

Conteúdos programáticos

Lexicologia e lexicografia
. Léxico e vocabulário
. Lexicografia e dicionarística
. Relações semânticas entre palavras

Linguística Textual e Sintaxe do Português
. Textualidade
. Frase negativa e interrogativa
. Frase simples e complexa
. Coesão e coerência
Sintaxe da LGP
. Análise de textos e da estrutura frásica em LGP
. Frases simples e complexas
. Frases interrogativas
. Frases negativas

Semântica
. Sentido literal e sentido figurado
. Equivalentes linguísticos e culturais
. Polissemia e mudança de significado
. Crescimento da língua / neologismos


Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objetivos de aprendizagem da UC

Os objetivos deste programa foram formulados tendo em vista a operacionalização direta dos conteúdos programáticos. De modo a realçar a integração vertical dos conteúdos, todos estes objetivos incluem vários núcleos de conteúdos. Todos os conteúdos programáticos são abrangidos pelos objetivos em questão.

Metodologias de ensino

Abordagem teórica: exposição de temas; distribuição de documentação; pesquisa temática orientada;
apresentação de temas relacionados com os conteúdos pós pesquisa dos alunos; discussão e debate.
Abordagem prática: realização de exercícios práticos de recolha de exemplos de palavras/gestos relacionados com os temas e respetiva análise comparativa.

Demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objetivos de aprendizagem da UC

A articulação das metodologias de ensino com os objetivos é desenvolvida de forma a consolidar os conhecimentos inerentes aos conteúdos apresentados.
Para eles contribuem especialmente o ensino teórico-prático, a orientação tutória e a avaliação. A realização de exercícios diversificados permitirá a consolidação dos conhecimentos adquiridos e uma reflexão aprofundada sobre os novos conceitos abordados na UC.

Metodologia e provas de avaliação

O processo avaliativo será orientado com incidência nos
seguintes parâmetros:
- Elaboração de trabalhos nas aulas, comportamento, participação e assiduidade (10%).
- Elaboração de 1 teste de avaliação escrita (50%). Esta componente de avaliação poderá assumir a
forma escrita e/ou ser registada, na forma gestual, em vídeo.
- Elaboração de um trabalho de pesquisa sobre um dos items dos conteúdos programáticos (40%)

COVID 19 - Consoante a duração do período de isolamento, e da forma como esta afetar a metodologia de avaliação da UC, serão propostas formas alternativas de avaliação, de acordo com as características da unidade curricular.

Bibliografia

ALVES, C. (Org.), (2013) Da teoria à Prática: a voz dos usuários da LGP. Custóias, ATILGP
Amaral, M. et al (1994) Para uma Gramática da Língua Gestual Portuguesa. Lisboa, Editorial Caminho
APECDA (2008) Gestuário Digital – Língua Gestual Portuguesa. Lisboa, INR, I.P.
CALDAS, C. et al (2012) Coleção Pro-LGP. Lisboa, UCP
CARMO, H. (2018) Classificadores de Língua Gestual Portuguesa - A primeira abordagem. Riga, Novas Edições Académicas
CD + LGP A Casa + LGP O Corpo e + LGP O Mundo (1997), Lisboa, Laboratório Psicolinguística FLUL
Correia, M. & Lemos, L.S.P. (2005) Inovação lexical em português. Lisboa: Edições Colibri / APP
DELGADO-MARTINS, R. (1996) Linguagem gestual: uma linguagem alternativa. in FARIA, I. et al (1996) Introdução à linguística geral e portuguesa. Lisboa, Caminho, pp. 103-112
Dicionário de Língua Gestual Portuguesa, (1997) Laboratório de Fonética da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, CD-ROM
Eliseu, A.S., et al. (2008). Enciclopédia do Estudante 13 & 14. Língua Portuguesa I & II. Carnaxide:
Santillana Constância
Faria, I. et al (1996) Introdução à Linguística Geral e Portuguesa, Lisboa, Ed. Caminho
Faria, I. et al (2001) Predicados de movimento em língua Gestual portuguesa, Polifonia, nº4, Lisboa, Edições Colibri, pp. 87-98
Fernandes, C. P. (2012) Inclusão na educação surdos: categorias gestuais e desenvolvimento "School
signs", Diss.Mestrado, Porto, ESE/IPP
Freire, M.J. (2012) A tradução e Interpretação de provérbios e expressões idiomáticas em língua gestual – equiv. linguístic.cult. In EXEDRA Português: Investigação Ensino, pp.123-130
Gestuário da Língua Gestual Portuguesa, (1992) Lisboa, Secretariado Nacional para a Reabilitação e Integração das Pessoas com Deficiência
MORGADO, M. (Coord.), (2010) Os meus primeiros gestos. Lisboa, Surd’Universo/CED Jacob Rodrigues Pereira – Casa Pia de Lisboa
PRATA, I. (1980) Mãos que falam. Lisboa, Lab. Fon. FLUL
QUADROS, R. (2004) Língua de Sinais Brasileira – Estudos linguísticos. Porto Alegre, Artmed.
QUADROS, R. (2006) Estudos Surdos I. Petrópolis, Editora Arara Azul (disponível em http://www.editora-arara-azul.com.br/ParteA.pdf)
Raposo, E,B.P. & outros (orgs)(2013). Gramática do Português. Lisboa: Gulbenkian
SACKS, O. (2011) Vejo uma voz - Uma viagem ao mundo dos surdos. Lisboa, Relógio d'Água
SANDLER, W. & LILLO-MARTIN, D. (2006) Sign Language and linguistics universals. Cambridge, Cambridge University Press
SANTANA, N. (2012) Aspeto verbal na LGP. em www.porsinal.pt
Silva, V.A. & Costa, J. (2008) Dicionário Terminológico. Lisboa: MEC. [http://dt.dge.mec.pt]
WEB:
www.porsinal.pt/
www.spreadthesign.com/pt/
www.signwriting.org/
http://www.signwriting.org/archive/docs5/sw0472-BR-Licoes-SignWriting.pdf

Opções
Últimas Notícias
Atualização do Plano de Contigência COVID-19 ESE/IPS
Eleições Conselho Técnico-Científico ESE/IPS 2022|2025
Eleições Conselho de Representantes ESE/IPS 2022/2025
Provas públicas para apreciação do relatório do projeto de investigação
Ciclo de Seminários | Comunicação Social
Página gerada em: 2021-12-08 às 05:33:14 Última actualização: 2010-07-19