Metodologias de Intervenção em Desportos de Natureza

Ficha de unidade curricular - Ano letivo 2022/2023

Código: DN16
Sigla: MIDN
Secção/Departamento: Ciências e Tecnologias
Semestre/Trimestre: 1º Semestre
Cursos:
Sigla Anos Curriculares ECTS
TSPDN 5
Nº de semanas letivas: 15
Carga horária:
Horas/semana T TP P PL L TC E OT OT/PL TPL O S
Tipologia de aulas
Responsável: Fernando Jorge Lourenço dos Santos
Corpo docente: Daniel Jorge Martins Coelho Pó

Língua de Ensino

Português/Inglês

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

Conhecer os princípios e fundamentos metodológicos para a planificação da atividade física e desportiva.
Bases pedagógicas de intervenção na atividade física e desportiva.
Dominar o processo de concepção, controlo e avaliação de programas e projetos de intervenção.
Dominar o processo de intervenção pedagógica em atividades físicas e desportivas.
Dominar os aspetos técnico-metodológicos e científicos dos desportos de natureza.
Conhecer as estratégias utilizadas no planeamento, organização, condução de desportos de natureza.

Conteúdos programáticos

Fundamentos teóricos da atividade física e do desporto.
A eficácia e o sucesso pedagógico em desporto.
Estádios do processo de desenvolvimento profissional de um professor e/ou treinador.
Bases metodológicas para a planificação e intervenção no âmbito da atividade física e do desporto.
O processo de avaliação no âmbito da atividade física e do desporto.


Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objetivos de aprendizagem da UC

A Metodologia de Intervenção em Desportos de Natureza revela-se como um pilar fundamental para a compreensão de formas e métodos de intervenção nesta área específica, pelo que se pretende dotar o aluno de conhecimentos que lhes permita compreender as bases para a intervenção em desportos de natureza.

Metodologias de ensino

Exposição de temas pelo docente; discussão orientada de temas em plenário e/ou pequenos grupos; realização de trabalhos práticos ou aplicados; elaboração de trabalhos escritos; apresentação e discussão de trabalhos de grupo.

Demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objetivos de aprendizagem da UC

As competências esperadas situam-se em torno dos seguintes domínios:
- Apropriação e domínio dos conhecimentos relativos aos vários temas tratados;
- Utilização, de forma criteriosa e fundamentada, dos conhecimentos adquiridos em situações de caráter prático/aplicado.
- Capacidade de pesquisa bibliográfica na realização de trabalhos escritos e/ou apresentações orais.

Metodologia e provas de avaliação

O trabalho desenvolvido na UC será objeto de:

Avaliação contínua:
- Participação - 10%
- Trabalho em grupo - 40%
- Trabalho individual - 40%
- Teste - 10%

Avaliação contínua para alunos com o processo interrompido pelo confinamento (Covid-19)
- Participação - 10%
- Trabalho em grupo - 40%
- Trabalho individual - 20%
- Teste - 30%

Exame final: os estudantes que não obtiverem uma classificação final superior ou igual a 9.5 no regime de avaliação contínua serão remetidos para exame final.

Modelo de Avaliação final
Os alunos que optem por este modelo de avaliação devem inscrever-se nas épocas de exame definidas pela escola.

Regime de assiduidade

Espera-se que cada estudante esteja no mínimo em 75% das sessões de aplicação prática e que analise e discuta as tarefas propostas e execute os produtos de avaliação em estreita relação com os docentes da UC, excetuam-se os estudantes com estatuto especial.

Página gerada em: 2024-05-21 às 11:08:11