This Page is not available in English  

Saltar para: Menu Principal, Conteúdo, Opções, Login.

A Ajuda Contextual não se encontra disponível  
home
Início > Cursos > Maiores de 23 Anos
Menu Principal
Autenticação





Esqueceu a sua senha de acesso?
Mapa da ESE Setúbal
Mapa interactivo do campus. Clique num determinado edifício.

Provas de avaliação de capacidade para frequência do Ensino Superior - Maiores de 23 anos

Ano letivo 2013/14

  • Consulte a pauta de incritos aqui


  • Consulte a Pauta de decisão final de classificação


  • Realização da Prova de Língua e Cultura Portuguesa - dia 27 Maio às 10:00h
  • Calendário para o Ano Letivo de 2013/2014

    Acção

    Local

    Datas

    Afixação dos critérios de avaliação, da forma e dos conteúdos para as provas escritas de conhecimentos

    Divisão Académica do IPS, Portal do IPS e Portal das escolas respetivas

    18 de março de 2013

    Inscrição para a realização das provas escritas de conhecimentos

    Divisão Académica do IPS

    18 de março de 2013
    a
    14 de maio de 2013

    Afixação das pautas de inscritos

    Divisão Académica do IPS, Portal do IPS e Portal das escolas respetivas

    17 de maio de 2013

    Realização das provas escritas de conhecimentos e eventuais entrevistas - Vd. notas a) b)

    Na Escola do IPS em que o candidato pretende ingressar, de acordo com o calendário fixado

    20 de maio de 2013
    a
    21 de junho de 2013

    Afixação das pautas de classificação

    Divisão Académica do IPS, Portal do IPS e Portal das escolas respetivas

    28 de junho de 2013

    Reclamações

    Divisão Académica do IPS

    1 de julho de 2013
    a
    5 de julho de 2013

    Afixação das pautas de decisão final de classificação

    Divisão Académica do IPS, Portal do IPS e Portal das escolas respetivas

    15 de julho de 2013

    a) No período de 20 de maio a 21 de junho de 2013 serão realizadas as provas escritas, e eventuais entrevistas, caso o júri entenda necessário, em datas a definir por cada uma das Escolas. A análise dos processos de candidatura decorre também dentro deste prazo.

    b) Conforme previsto no artigo 4º, ponto 2 e no artigo 9º, ponto 1 do Despacho n.º 3085/2013 - Regulamento das Provas Especialmente Adequadas Destinadas a Avaliar a Capacidade para a Frequência dos Cursos Superiores do IPS dos Maiores de 23 anos, que aqui se transcrevem:

    - artº 4º - ponto 2 - “A avaliação pode ainda incluir a realização de uma entrevista.”

    - artº 9º- ponto1 - “Caso o júri decida pela realização de entrevista, procederá à marcação das datas, horas e locais da sua realização, de acordo com o calendário previsto no artigo 3º deste regulamento.”



    Condições para inscrição nas provas

    De 18 de março a 14 de maio de 2013, na Divisão Académica do IPS ou através do envio, pelo correio, dos impressos abaixo indicados e pagamento dos respetivos emolumentos.

    Documentos e Impressos para Inscrição:

    • Boletim de inscrição em documento próprio da Escola;
    • Certificado de habilitações (original + fotocópia);
    • Carta de Motivações em impresso próprio da Escola ( 1 para cada curso, no caso de se candidatar a mais do que 1 curso. Especificar a que curso a carta se refere);
    • Ficha Curricular, em documento próprio da Escola, ao qual deverá anexar todos os documentos comprovativos da informação indicada;
    • Fotocópia e original do BI / Cartão de Cidadão / Título de Residência / Passaporte + Autorização de Residência e do Cartão de Contribuinte;
    • Procuração (a utilizar apenas no caso de a inscrição não ser realizada pelo próprio, devendo ser acompanhada de fotocópia do documento de identificação do interessado e de documento de identificação do procurador – não tem de ser registada em notário e é válida apenas para o assunto nela mencionado);
    • Declaração de compromisso de honra (caso envie os documentos por correio).

    Regras de inscrição para cidadãos estrangeiros:

    • Os cidadãos estrangeiros, não pertencentes ao espaço Europeu, deverão ter Título de Residência ou Passaporte ou Autorização de Residência emitida pelo SEF em Portugal ou visto de estudante;
    • O certificado de habilitações deverá estar reconhecido pelos Serviços Consulares Portugueses sediados no País onde o candidato obteve as habilitações, ou então terem a Apostilla de Haya.

    A inscrição nas Provas de Conhecimentos está sujeita ao pagamento de um emolumento – 60,00¤, definido na tabela de emolumentos em vigor no IPS.

    Envio de documentos por correio:

    • Os documentos de candidatura podem ser enviados por correio em carta registada e aviso de receção.
    • Deverão anexar o pagamento da candidatura em cheque ou vale postal CTT à ordem do Instituto Politécnico de Setúbal, no valor de 60¤.
    • Anexar a declaração de compromisso de honra da veracidade de todas as informações e autenticidade das fotocópias.
    • Deverão indicar se fazem o levantamento do recibo na Divisão Académica ou se o querem receber por correio. No caso de solicitarem o envio por correio, está sujeito a pagamento (7,50¤) conforme tabela de emolumentos do IPS, este valor deverá ser acrescido ao da candidatura.
    • Posteriormente será enviado email, de confirmação da receção dos documentos e do pagamento.

    Morada:
    Divisão Académica do IPS
    Edifício Escola Superior Ciências Empresariais | Campus de Setúbal do IPS
    Estefanilha
    2910-761 Setúbal

    Notas:

    • O processo de inscrição só é válido se for acompanhado de todos os documentos exigidos.
    • O presente processo de candidatura só é válido se for acompanhado de Procuração, no caso de ter sido instruído por procurador bastante (neste caso a candidatura é apenas presencial).
    • Em caso de dúvidas deverá enviar email para: servicos.academicos@spr.ips.pt


    Componentes de Avaliação

    A avaliação da capacidade para a frequência dos cursos superiores do IPS integra:

    • a apreciação do currículo escolar e profissional do candidato, efetuada com base na informação fornecida na ficha curricular;
    • a avaliação das motivações do candidato, efetuada com base na carta de motivações;
    • a realização de uma prova escrita de avaliação dos conhecimentos e competências considerados indispensáveis ao ingresso e progressão nos cursos da ESE/IPS;
    • caso o júri entenda necessário, poderá incluir ainda realização de uma entrevista, para esclarecer as motivações ou informações da ficha curricular.
    Provas de Língua e Cultura Portuguesa dos anos anteriores:
    Critérios de Avaliação da Prova de Língua e Cultura Portuguesa de 2013

    CLASSIFICAÇÃO:

    A classificação final será obtida através da ponderação dos diferentes itens de avaliação:

    • a avaliação do currículo escolar e profissional do candidato - 50% da nota final;
    • a avaliação das motivações - 20% da nota final;
    • o resultado da prova escrita de conhecimentos - 30% da nota final.

    Todas as componentes da avaliação serão classificadas numa escala numérica de 0-20. Aos candidatos aprovados, o júri atribuirá uma classificação final, expressa no intervalo 10-20 da escala numérica inteira de 0-20. Caso a classificação final seja inferior a 10, o candidato será classificado como Não Aprovado.

    CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO:

    A. Critérios de avaliação do Currículo académico e profissional

    B. Critérios de avaliação das motivações

    RECLAMAÇÕES :

    • Os candidatos poderão, nos prazos legalmente estabelecidos, apresentar reclamação, tendo para o efeito que preencher um documento próprio e proceder ao pagamento de emolumentos, de acordo com a Tabela de emolumentos do IPS em vigor;
    • De acordo com o Despacho n.º 3085/2013 , em caso de revisão de prova, prevalece a nota da revisão, ainda que esta seja inferior à primeira.

    Legislação:

    • Despacho n.º 3085/2013 - Regulamento das provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência dos cursos superiores do Instituto Politécnico de Setúbal dos maiores de 23 anos
    • Decreto-Lei n.º 64/2006, de 21 de Março


    FAQ:

    1. O que são as “Provas para Maiores de 23 anos”?

    São Provas especiais de acesso ao Ensino Superior, que substituem o antigo Exame “ad-hoc”.

     

    2. Quem pode inscrever-se nas Provas?

    Cidadãos nacionais ou estrangeiros maiores de 23 anos (que tenham completado 23 anos até ao dia 31 de dezembro do ano anterior ao da realização das provas). Os cidadãos estrangeiros deverão entregar fotocópia do Título de Residência ou do Passaporte + Autorização de Residência emitida pelo SEF.

     

    3. Quem tiver o 12º ano completo pode inscrever-se?

    Sim, pode. Não existe qualquer limitação ao nível das habilitações académicas.

     

    4. Frequentei o Ensino Superior mas não terminei o curso, posso realizar as Provas?

    Sim, pode. Mas pode também candidatar-se a Reingresso, Transferência ou Mudança de Curso.

     

    5. Quem for titular de um curso de ensino superior pode realizar as Provas?

    Sim, pode. No entanto, existe outra modalidade de acesso ao ensino superior mais específica para estes casos – o Concurso Especial para Titulares de Cursos Pós-Secundários, Médios e Superiores.

     

    6. Quais os valores a pagar?

    Inscrição-60¤; Reapreciação da prova-30¤ (este valor será devolvido se se verificar uma melhoria de nota).

     

    7. Existe algum curso de preparação para as Provas?

    Sim, existe, mas apenas nas áreas de Matemática e Física. Deve contactar a Escola Superior de Tecnologia de Setúbal e a Escola Superior de Tecnologia do Barreiro.

     

    8. Posso inscrever-me em mais do que um curso?

    Sim, pode. O número máximo de cursos a que se pode candidatar consta do Boletim de Inscrição de cada Escola Superior, que está disponível no respetivo portal.

     

    9. Quero inscrever-me em dois cursos, posso entregar só um processo?

    NÃO. Deve entregar um exemplar de toda a documentação por cada curso a que se candidate - pode fotocopiar o Boletim de Inscrição, depois de preenchido, tantas vezes quantas as necessárias.

     

    10. As Provas de uma Escola do IPS são válidas para as outras Escolas do IPS?

    Não. As Provas são diferentes de Escola para Escola e só são válidas para a Escola onde se realizam. Se estiver interessado em cursos de diferentes Escolas deve realizar as Provas em cada uma delas.

     

    11. Se tiver de faltar à Prova de Conhecimentos posso fazê-la noutra data?

    Não, só há uma data para a realização das Provas de Conhecimentos em cada Escola. Salienta-se que todas as Provas são obrigatórias, de acordo com o artigo 4º do Regulamento do IPS.

     

    12. A realização das Provas é suficiente para o acesso ao Ensino Superior?

    Não. As Provas servem apenas para avaliar os conhecimentos dos interessados e para determinar a nota a considerar para a candidatura ao acesso. Se tiver obtido nota final igual ou superior a 10 valores nas Provas, deve fazer a candidatura aos Concursos Especiais de Acesso (CE) – normalmente em Agosto. Oportunamente será divulgada mais informação.

    Se prestou Provas, para o mesmo curso, em 2011 ou 2012, pode optar pela nota mais elevada, quando entregar a candidatura aos CE.

     

    13. Fiz as Provas o ano passado mas não entrei. Tenho de fazer as Provas novamente este ano?

    Não, a classificação das Provas é válida no ano em que é obtida e nos dois anos seguintes. Assim sendo, as notas das “Provas para Maiores de 23 anos” realizadas em 2011/12 e 2012/13 também são válidas para 2013/14. Pode, no entanto, realizar novamente as Provas se quiser tentar uma subida de nota e na candidatura aos CE, optar pela nota mais elevada.

     

    14. Se quiser utilizar a nota que obtive no ano passado como devo proceder?

    Não necessita de se inscrever nas Provas para 2013/2014, basta, no momento da candidatura aos Concursos Especiais de Acesso, informar a Escola Superior de que pretende utilizar a nota obtida anteriormente naquela Escola (em 2011 ou 2012). Salienta-se que as notas obtidas apenas são válidas para a Escola Superior do IPS onde foram realizadas as Provas.

     

    15. As Provas de outras Instituições são válidas para o IPS?

    Não. Tem de fazer as Provas na Escola Superior do IPS na qual funciona o curso pretendido.

     

    16. Se não tiver disponibilidade de me deslocar à Escola para fazer a inscrição, posso pedir a um amigo para a fazer por mim?

    Pode, desde que o seu amigo seja portador de uma Procuração sua que o habilite para tal. Não é necessário que seja registada em notário, mas deve ser acompanhada de fotocópia do seu documento de identificação e também do documento de identificação do seu amigo. Esta procuração é válida apenas para o assunto nela mencionado e para o ano letivo 2013/14. (ver exemplo de procuração).

     

    17. São exigidos pré-requisitos para algum dos cursos?

    Sim. Para os Cursos de Licenciatura em Desporto, Licenciatura em Língua Gestual Portuguesa da Escola Superior de Educação/IPS e para os Cursos de Licenciatura da Escola Superior de Saúde/IPS. Mais informações disponíveis no portal de cada Escola.

     

    18. Caso não fique colocado no concurso de Agosto, o acesso fica impossibilitado para o ano letivo?

    Não. No caso de sobrarem vagas do Concurso Nacional de Acesso, estas serão preenchidas pela seguinte ordem: (i) titulares de CET, (ii) por candidatos aprovados nas provas maiores de 23 Anos.

    Opções
    Últimas Notícias
    Lista de candidatos admitidos à Pós-Graduação em 'Educação Especial - Domínio Cognitivo e Motor' - 2.ª fase
    Novo prazo - Pós-Graduação em Administração e Gestão de Escolas
    Workshop "A Traumatologia no Desporto - Propostas de Prevenção"
    Programas de Bolsas Santander Universidades: Bolsas Luso- Brasileiras e Bolsas Ibero-Americanas
    Curso de Formação "Exploração e construção de situações de aprendizagem com TIC com recurso à utilização da linguagem de programação Scratch"
    Página gerada em: 2014-10-21 às 12:56:18 Última actualização: 2013-07-16