This Page is not available in English  

Saltar para: Menu Principal, Conteúdo, Opções, Login.

Ajuda Contextual  
home
Início > Notícias > Poesia e iconografia
Menu Principal
Autenticação





Esqueceu a sua senha de acesso?
Mapa da ESE Setúbal
Mapa interactivo do campus. Clique num determinado edifício.

Poesia e iconografia

Mito, desporto e imagem nos epinícios de Baquílides


Jesus, C. A. M. (2017). Poesia e iconografia: mito, desporto e imagem nos epinícios de Baquílides. Porto: Fundação Eng. António de Almeida.

"Embora fascinante, a poesia grega arcaica é matéria complexa e fugidia, por o investigador ter à mão apenas um corpus fragmentário e a cada passo com transmissão controversa. A investigação neste domínio exige, pois, cautela e argúcia nas interpretações e conclusões. O autor demonstra essa preocupação, já que, quer na exposição dos assuntos, feita com rigor e profundidade e apoiada na leitura de vasta bibliografia, quer no diálogo que procura salientar entre poesia e artes plásticas, quer na argumentação produzida, revela boa informação e evidencia prudência no tratamento e discussão de questões, por vezes complexas.

As conclusões que avança são propostas com grande cuidado e sensatez, consciente de que as dificuldades e escolhos são muitos para quem trabalha na poesia grega arcaica, onde o corpus que nos chegou é sempre muito incompleto. Por isso, não se trata tanto de concluir, mas mais de problematizar aspectos e questões abordados ao longo da análise. Ainda assim, apesar de todos os cuidados e da consciência que demonstra dos escolhos do terreno pisado, conclui que Baquílides se revela um exímio contador de histórias e que opta pelo uso de mitos tradicionais e por uma conciliação temperada entre tradição e novidade.

Por todas essas razões, e ainda pela qualidade literária que exibe, é de enaltecer a publicação de Poesia e Iconografia: mito, desporto e imagem nos epinícios de Baquílides. Acresce ainda que - e ia a dizer acima de tudo - faz falta ao contexto literário português e vem preencher uma lacuna que nele existe. É que vem contribuir, de forma segura e clara, para o surpreendente ressurgir de um poeta, ao longo de tantos séculos esquecido - Baquílides." (José Ribeiro Ferreira, Professor Catedrático Jubilado da Universidade de Coimbra)



Opções
Últimas Notícias
Última lição Professora Leonor Saraiva
Prova específica no domínio da Língua Portuguesa para acesso aos Mestrados em Educação
Aula Aberta "Aprender a cuidar, aprender a cidadania"
Exposição do Roteiro para uma Educação Antirracista
X Encontro de Investigadores da Qualidade
Página gerada em: 2019-05-19 às 10:17:13